Iguape : Prédio do Correio Velho em 2 tempos

correio-velho-2006

Correio Velho em 2006

correio-velho-tempo-2

Correio Velho em 2015

Situado na praça Praça Engenheiro Greenhalgh s/nº, é um prédio importantíssimo para a história de Iguape/SP que está, com seu restauro,  ganhando um visual belíssimo e um interior modernizado, fruto de convênio entre Iphan e Prefeitura de Iguape.

Detalhe da restauração do Correio Velho em Iguape/SP

detalhe correio velho

O prédio do Correio Velho, situado em Iguape/SP, está sendo restaurado e prevê acessibilidade, por meio de elevadores, climatização para receber e manter documentos, além de cinemateca, biblioteca, área para palestras, cursos, entre outros para fomento da cultura e preservação do patrimônio.

A restauração é o resultado do Convênio Nº 64740/2011, celebrado entre o Iphan e a Prefeitura de Iguape.

A licitação para a  restauração teve como vencedora a empresa Companhia de Restauro , com o valor global de R$ 1.866.257,04 .

Construído no século XIX, marco da prosperidade iguapense, o prédio estava  em adiantado estado de deterioração, mas graças ao tombamento alcançado no ano de 2009,  a cidade foi contemplada com investimentos do Governo Federal para a total restauração do prédio trazendo de volta à Praça São Benedito o visual suntuoso das sacadas e telhados do Correio Velho, muito parecido como foi em sua concepção original pelo lado de fora e ainda abrigará importantes acervos em seu interior.

Segundo o site da Prefeitura de Iguape, “o prédio do Correio Velho, construído no antigo Largo de São Francisco, atual Praça São Benedito, foi inaugurado no ano de 1839. Reformado em 1893, foi adquirido pelo coronel Agostinho José Moreira Rollo e posteriormente pertenceu ao comendador João Mâncio da Silva Franco. A partir de 1926, passou a abrigar a agência dos Correios e Telégrafos, que lá permaneceu até 1951. Suas paredes externas são de pedra e cal e as internas eram de taipa francesa. Possuía telhado em duas águas com beiral e sacadas com grades de ferro fundido trabalhado.

Segundo a tradição, nele teriam pernoitado as tropas de Duque de Caxias e Osório, em viagem ao Sul do país, durante a Guerra do Paraguai. O prédio do Correio Velho, apesar de sua importância histórica e arquitetônica, encontrava-se em avançado estado de deterioração, tendo restado de pé somente as fachadas.”

Caderno de Obra : Correio Velho, em Iguape/SP

DSC00322 (2)

Construído no século XIX, marco da prosperidade iguapense, o prédio estava  em adiantado estado de deterioração, mas graças ao tombamento alcançado no ano de 2009, agora a cidade é contemplada com investimentos do Governo Federal para a total restauração do prédio trazendo de volta à Praça São Benedito o visual suntuoso das sacadas e telhados do Correio Velho, muito parecido como foi em sua concepção original pelo lado de fora e ainda abrigará importantes acervos em seu interior.

Segundo o site da Prefeitura de Iguape, “o prédio do Correio Velho, construído no antigo Largo de São Francisco, atual Praça São Benedito, foi inaugurado no ano de 1839. Reformado em 1893, foi adquirido pelo coronel Agostinho José Moreira Rollo e posteriormente pertenceu ao comendador João Mâncio da Silva Franco. A partir de 1926, passou a abrigar a agência dos Correios e Telégrafos, que lá permaneceu até 1951. Suas paredes externas são de pedra e cal e as internas eram de taipa francesa. Possuía telhado em duas águas com beiral e sacadas com grades de ferro fundido trabalhado.

O prédio do Correio Velho, apesar de sua importância histórica e arquitetônica, encontrava-se em avançado estado de deterioração, tendo restado de pé somente as fachadas.” Para se ter uma idéia da condição do prédio imponente construído em 1839, símbolo da riqueza paulista na época , o telhado de duas águas desabou e acabou sendo removido.

DSC00324 (2)

O novo prédio do Correio Velho está sendo restaurado e prevê acessibilidade, por meio de elevadores, climatização para receber e manter documentos, além de cinemateca, biblioteca, área para palestras, cursos, entre outros para fomento da cultura e preservação do patrimônio.

A restauração é o resultado do Convênio Nº 64740/2011, celebrado entre o Iphan e a Prefeitura de Iguape. A licitação para a  restauração teve como vencedora a empresa Companhia de Restauro , com o valor global de R$ 1.866.257,04 .  As fotos são do dia 19 de fevereiro de 2015.

DSC00323 (2)

Caderno de Obra – Correio Velho, em Iguape/SP

novas-telhas-correio-velho novas-telhas-correio-velho2 novas-telhas-correio-velho3

As primeiras telhas do novo telhado do prédio do Correio Velho, situado em Iguape/SP começaram a ser colocadas nesta quarta (18).

O novo prédio do Correio Velho está sendo restaurado e prevê acessibilidade, por meio de elevadores, climatização para receber e manter documentos, além de cinemateca, biblioteca, área para palestras, cursos, entre outros para fomento da cultura e preservação do patrimônio.

A restauração é o resultado do Convênio Nº 64740/2011, celebrado entre o Iphan e a Prefeitura de Iguape. A licitação para a  restauração teve como vencedora a empresa Companhia de Restauro , com o valor global de R$ 1.866.257,04 . A previsão de entrega é dia 13 de fevereiro de 2015.

Caderno de Obra : Prédio do Correio Velho, em Iguape/SP

Esta série de posts “Caderno de Obra” está mostrando a evolução das obras de restauração do Correio Velho, da Casa de Fundição e futuramente do Paço Municipal e Sobrado dos Toledos, em Iguape.

As fotos acima mostram a situação no canteiro de obras do Correio Velho na data de 2 de junho de 2014, em Iguape/SP.

Construído no século XIX, marco da prosperidade iguapense, o prédio estava  em adiantado estado de deterioração, mas graças ao tombamento alcançado no ano de 2009, agora a cidade é contemplada com investimentos do Governo Federal para a total restauração do prédio trazendo de volta à Praça São Benedito o visual suntuoso das sacadas e telhados do Correio Velho, muito parecido como foi em sua concepção original pelo lado de fora e ainda abrigará importantes acervos em seu interior.

Segundo o site da Prefeitura de Iguape, “o prédio do Correio Velho, construído no antigo Largo de São Francisco, atual Praça São Benedito, foi inaugurado no ano de 1839. Reformado em 1893, foi adquirido pelo coronel Agostinho José Moreira Rollo e posteriormente pertenceu ao comendador João Mâncio da Silva Franco. A partir de 1926, passou a abrigar a agência dos Correios e Telégrafos, que lá permaneceu até 1951. Suas paredes externas são de pedra e cal e as internas eram de taipa francesa. Possuía telhado em duas águas com beiral e sacadas com grades de ferro fundido trabalhado.

Segundo a tradição, nele teriam pernoitado as tropas de Duque de Caxias e Osório, em viagem ao Sul do país, durante a Guerra do Paraguai, ainda que nenhum registro tenha sido encontrado. O prédio do Correio Velho, apesar de sua importância histórica e arquitetônica, encontrava-se em avançado estado de deterioração, tendo restado de pé somente as fachadas.”

Para se ter uma idéia da condição do prédio imponente construído em 1839, símbolo da riqueza paulista na época , o telhado de duas águas desabou e acabou sendo removido.

O novo prédio do Correio Velho está sendo restaurado e prevê acessibilidade, por meio de elevadores, climatização para receber e manter documentos, além de cinemateca, biblioteca, área para palestras, cursos, entre outros para fomento da cultura e preservação do patrimônio.

A restauração é o resultado do Convênio Nº 64740/2011, celebrado entre o Iphan e a Prefeitura de Iguape. A licitação para a  restauração teve como vencedora a empresa Companhia de Restauro , com o valor global de R$ 1.866.257,04 . A previsão de entrega é dia 13 de fevereiro de 2015.

Reunião entre Companhia de Restauro, Prefeitura de Iguape e Iphan ajusta procedimentos para início da restauração do Correio Velho, em Iguape

reuniao-pmi

Uma reunião nesta segunda-feira (10) entre representantes da empresa Companhia de Restauro, da Prefeitura Municipal de Iguape e da Superintendência do Iphan em São Paulo definiu alguns procedimentos técnicos e administrativos que serão adotados na obra de restauro do Correio Velho, situado na Praça São Benedito em Iguape. Esta obra, executada pela Prefeitura Municipal de Iguape com verbas oriundas do IPHAN,  está sendo aguardada com muito interesse por parte da população . O “Correio Velho” é um imponente prédio construído em 1839. Após a sua restauração ele deve abrigar um centro cultural e de memória. O edifício, com paredes externas de pedra e um conjunto de janelas e sacadas, passou por reforma em 1893, ao ser adquirido pelo coronel Agostinho José Moreira Rollo. Pertenceu depois ao comendador João Mâncio da Silva Franco e, a partir de 1926, passou a abrigar a agência dos Correios e Telégrafos até 1951. O telhado de duas águas desabou e foi removido. Segundo a tradição oral, o prédio também abrigou as tropas do General Osório e de Duque de Caxias em viagens ao sul do País, durante a Guerra do Paraguai.

Entrevista: Arq. Darlan Firmato, consultor da Unesco junto ao Iphan/SP esclarece sobre as obras do PAC Cidades Históricas em Iguape

darlanO arquiteto Darlan Firmato é consultor contratado pela UNESCO, disponibilizado para o IPHAN/SP, como responsável pela análise de documentos pertinentes ao acompanhamento e execução das ações do PAC Cidades Históricas nas cidades de Iguape e São Luiz do Paraitinga. Darlan tem no seu currículo especializações em Computação Gráfica e Design de Produtos . É também gestor de projetos, com certificação internacional pelo PMI, e MBA em Gestão de Projetos, pela FGV, com 10 anos de experiência atuando em arquitetura, incluindo obras de restauro, a exemplo da Santa Casa de Misericórdia da Bahia, primeiro hospital do Brasil e integrante da equipe da 3ª Etapa de Restauro do Conjunto Arquitetônico do Pelourinho, em Salvador/BA.

P : Darlan, uma curiosidade que a população de Iguape tem. Quando começam as obras ?
Sabemos que este é o ápice do trabalho e o grande anseio das pessoas, mas temos uma importante fase a ser cumprida, que é o planejamento destas obras, que passa pela formalização documental entre os proprietários dos imóveis e o Iphan. Depois a aprovação e licitação dos projetos e então, uma nova licitação para contratar as obras. O período máximo para conclusão das intervenções foi definido em três anos.

P : Há alguma prioridade no início das licitações ? Qual ?
Sim, em etapa anterior, o Iphan já providenciou o Projeto Executivo da antiga Casa de Fundição, que apesar de estar funcionando como Museu Histórico Municipal, precisa de melhorias e adequações funcionais e de acessibilidade e valorizar a relevância que este imóvel tem para o Brasil. Dessa forma, após validação dos documentos e liberação dos recursos, estaremos aptos para licitar a obra. O que deve acontecer até o primeiro semestre de 2014.

P: Quais os recursos destinados para cada prédio ?
Iguape foi contemplada com três intervenção: a antiga Casa de Fundição, com R$800.000,00(obra), o Paço Municipal, com R$3.350.000,00(projetos e obra) e o Sobrado dos Toledos, com R$ 4.257.000,00(projetos e obra)

P : Quais os critério de escolha para os três prédios ( Sobrado dos Toledos, Casa de Fundição e Paço Municipal) ?
Os imóveis foram alguns dos indicados pela Prefeitura Municipal, que após análise do IPHAN Nacional, priorizou estes imóveis para serem restaurados no âmbito do PAC Cidades Históricas 2. Tratam-se de importantes exemplares do patrimônio arquitetônico brasileiro, que devido a sua relevância foram escolhidos, neste momento.

P : Quem irá executar as 3 obras ?
As obras serão executadas pelo IPHAN/SP, através de licitações para os projetos e obras.

P: De acordo com a complexidade de cada restauração , qual deles deverá ficar pronto primeiro ?
Em função de já ter projeto definido e da obra ser menor, a antiga Casa de Fundição poderá ficar pronta antes dos outros imóveis.

P : Por quê o “Correio Velho” não foi incluído nas obras do PAC ?
O prédio do “Correio Velho” não foi incluído porque ele é objeto de um outro convênio do IPHAN com a Prefeitura Municipal de Iguape.

P: Qual os benefícios que estas obras trarão para a cidade e seus habitantes ?
Além da valorização do patrimônio, após restaurados, os imóveis promoverão a elevação da auto-estima da cidade e do seu povo, pela importância cultural e afetiva que os moradores de Iguape têm com estes prédios. O Museu será revitalizado e estará mais moderno e adequado para abrigar os bens, receber moradores e turistas, o Paço Municipal estará mais adequado para atender a população e os servidores municipais e o Sobrado dos Toledos, abrigará o novo Centro de Atendimento ao Romeiro, considerando a importância da Festa em louvor do Senhor Bom Jesus e Nossa Senhora das Neves e nos demais dias do ano, poderá ser solicitada pelos iguapenses ou por outras instituições para abrigar eventos de caráter público como apresentações e exposições, além de poder se tornar um ótimo ponto de encontro.Darlan-Firmato-2

Prefeitura de Iguape publica Edital para restauração do prédio do Correio Velho

correio-velhoA Prefeitura Municipal de Iguape publicou o Edital que trata da Concorrência Pública relativa às obras de restauração e novo uso do edifício do Correio Velho, situado na Praça Engenheiro Greenhalg, s/nº , no Centro Histórico da cidade.

O preço máximo estabelecido para a obra é de R$1.881.382,30 (Um milhão oitocentos e oitenta e um mil trezentos e oitenta e dois reais e trinta centavos) .

O valor é proveniente do Convênio Nº 64740/2011- Iphan e Prefeitura de Iguape.

A abertura dos envelopes será pontualmente às 10:00 hs do dia 8 de novembro de 2013 na Prefeitura Municipal de Iguape, situada à Rua XV de novembro, nº 272, Centro, Iguape/SP.

Veja aqui o Edital Completo em PDF