Memória : Casa do Patrimônio recebe professores de artes do Vale do Ribeira, em Iguape/SP

A Casa do Patrimônio Vale do Ribeira, uma parceria entre o Iphan – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional , através da Superintendência em São Paulo e a Prefeitura Municipal de Iguape, recebeu nesta sexta (4) professores de artes da rede de ensino pública estadual que exercem suas atividades em escolas do Vale do Ribeira.

Na programação, palestras voltadas ao patrimônio material e imaterial como “Um pouco de nós”, ministrada pela arquiteta Myrian Teresa e o painel “Resgatando Memórias”, com a professora Regina Aida Zimmer da Silva, do PCNP Arte, de Miracatu, idealizadora da ação.

Após as palestras, todos os participantes fizeram o percurso “Trilha da Memória”, despertando sentidos e sensações pelo centro histórico de Iguape.

Um dia inteiro de educação patrimonial de excelente qualidade , em conteúdo e propósito, como mostram algumas fotos do slideshow.

Show de bola !!!

Colégio Rio Branco, de São Paulo , visita centro histórico de Iguape e Cananéia

Alunos do 7º ano das Unidades Higienópolis e Granja Vianna realizaram a viagem, acompanhados pelos professores Caio Mendes e Maria Thereza Lima, da Unidade Granja Vianna, Vanessa Sobrino e Alexandre Cardoso, da Unidade Higienópolis, pelos integrantes da Monitoria e dos Serviços Ampliados.
Dentro da programação, muita diversão e aprendizado, com visitas ao Parque Estadual da Ilha do Cardoso, que oferece uma oportunidade única de convívio com a diversidade biológica dos manguezais, e ao Núcleo Perequê do parque, onde os alunos conheceram vários ecossistemas diferentes – Mata Atlântica, Restinga, Praia e Costão Rochoso.
Os estudantes também percorreram o Canal de Cananéia em escunas, conheceram o centro histórico de Iguape e Cananéia, realizando um trabalho de História neste último, visitaram a Ilha Comprida e tiveram contato com moradores locais, artesãos e pescadores.

Casa do Patrimônio de João Pessoa/PB publica 3º Caderno de Educação Patrimonial

A Superintendência do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional na Paraíba – Iphan/PB, por meio da Casa do Patrimônio de João Pessoa,  publica o terceiro volume da série de Cadernos Temáticos de Educação Patrimonial. Intitulado “Educação, memórias e identidades”, o Caderno Temático tem como objetivo apresentar aos professores e demais interessados textos de referências sobre Educação Patrimonial, bem como diferentes experiências de atuação com Educação Patrimonial desenvolvidas no Estado da Paraíba, seja na escola ou fora dela.

Parte dos textos foi produzida pelos participantes do curso “Educação Patrimonial: Reflexões e Práticas”, que a Casa do Patrimônio de João Pessoa promoveu na Estação Cabo Branco, no mês de outubro de 2012. Além desses, compõem o caderno o artigo de Elinaldo Braga, que trata das bandas cabaçais do sertão paraibano; a experiência relatada por Daniella Lira, baseada em sua pesquisa para o mestrado em patrimônio cultural do Iphan, sobre a identidade sertaneja paraibana, a partir das marcas de ferrar gado e das tradições dos vaqueiros e ferreiros; e o texto do poeta e museólogo Mário Chagas, que reflete sobre o jogo político entre a Educação, o museu e o patrimônio cultural.

O objetivo é que o Caderno Temático possa oferecer oportunidades de reflexão e aprofundamento aos professores sobre os processos educativos e sua relação com as memórias e identidades dos seus alunos, partindo do contexto sociocultural da comunidade e do seu entorno, estimulando um novo olhar para a escola e o território no qual está inserida.

Confira aqui o terceiro volume da série de Cadernos Temáticos de Educação Patrimonial.

fonte: cadernosdopatrimonio.org