Festa do Bom Senhor Jesus de Iguape 2016 : Explosão de fé no Vale do Ribeira

Por Erika Oishi

A histórica cidade de Iguape, litoral sul de São Paulo, promoveu entre os dias 28 de julho e 6 de agosto a segunda maior festa religiosa do estado de São Paulo, Festa do Bom Senhor Jesus de Iguape, que esse ano contou com a presença de aproximadamente 350 mil pessoas.

A festa conta com inúmeras tradições que relembram a importância da imagem do Jesus de Iguape para a cidade, como a repetição de seu banho nas águas da Fonte do Bom Senhor, assim como ocorreu originalmente em sua descoberta. O ato se deu após o início da primeira procissão da festa, na manhã do dia 28 após a tradicional recepção da chocolatada aos romeiros, na Praça da Basílica.

Esse ano, a festa recebeu 3500 romeiros a cavalos divididos em 31 grupos, 2000 motoqueiros divididos em 3, 800 ciclistas em 10, 756 caminhantes divididos em 25 e por fim, 85 romeiros em 5 grupos de barcos. A grande maioria vindos de cidades distantes em busca da benção do Bom Senhor, o que sempre causa muita emoção para todos os presentes. Além desses, outros momentos marcantes foram as novenas às 19 horas; as missas campais e procissões de Nossa Senhora da Neves na sexta feira e do Bom Jesus no sábado.

No encerramento no dia 6, uma grande queima de fogos aconteceu no morro do Cristo, de onde puderam ser vistos por todos os pontos da cidade e em especial da Praça da Basílica, onde muitos compareceram para acompanhar o momento.

O sucesso de mais um ano da festa comprova a religiosidade das pessoas e o bom acolhimento da cidade que mostrou que a motivação religiosa ainda move e emociona.

Leia também : Fé e emoção marcam procissão em Louvor ao Bom Jesus de Iguape