O Correio de Iguape nem chegou a Cananéia…

O correio de Iguape

Que chegava a Cananéia

Namorava uma índia

Lá na serra da Juréia.

Saía de São Vicente

Nem ligava pra maré

Praia Grande, Peruíbe

Percorria tudo a pé.

Mas chegando na Juréia

Que as nuvens se escondia

Só por causa dessa índia

Do correio se esquecia.

Uma vez na primavera

Nem chegou a Cananéia.

Dizem que ficou pra sempre

Lá na serra da Juréia.

 

fonte : jornalggn.com.br / Resgate de Luciano Hortencio

Mais sobre Fandango Caiçara : Patrimônio Cultural Imaterial Brasileiro

Com as imagens, uma homenagem à riquíssima e bela cultura popular brasileira.